40 nego bom é um real
2013 Colaboração (conceito visual, arte e colagem) no
projeto de Jonathas de Andrade.
16 serigrafias sobre madeira, 7 gravações em acrílico,
40 impressões riso prints sobre papel, 40 impressões
laser sobre papel. dimensões variáveis.

Propôs a colagem digital e impressão em serigrafia
com cores chapadas e reduzidas. Criamos os
cenários e uma realidade através da colagem, no exercício
de torna-las mais próximas a ideia de imaginação,
lembrando uma estética de ilustração.

„O projeto de Jonathas de Andrade conta a história de
um doce. Baseado na produção do nego bom, ele mostra
como a realidade social, política e ideológica no Brasil
prefere-se esquecer questões polêmicas. Seu trabalho é
inspirado por uma variedade de documentos históricos.
(..) Como um antropólogo, o artista desenha uma fábrica
de doces fictícia com quarenta operários. A obra divide-
se em duas partes. Serigrafias coloridas e pinturas
em uma tabela mostra pessoas trabalhando em aparente
harmonia na produção do doce. A segunda parte consiste
de imagens individuais dos trabalhadores. O texto
que acompanha as obras apresenta uma cena menos
bem-humorada e expõe a falsa realidade das relações de
trabalho. Andrade sutilmente revela um racismo que está
profundamente enraizado na cultura brasileira. (..)“

Fonte: http://www.pipa.org.br/2014/11/em-cartaz-40-nego-
bom-e-um-real-instalacao-de-jonathas-de-andrade/

veja o site de Jonathas de Andrade